Nossa quarentena baiana

Ou... quantas coisas podem mudar em 30 dias? De certo, é preciso contextualizar esta possibilidade da escolha em passar uma parte da quarentena na Bahia: estávamos em trabalho e estudo remoto (eu, há 8 anos, os gêmeos, desde março de 2020), havia possibilidades de trabalhos por lá, havia um outro fator emocional que não entra, … Continue lendo Nossa quarentena baiana

Sem tempo, irmã

Dezembro de 2019 e eu estava onde? À beira da estafa. A correria cotidiana - conciliar a criação e educação dos filhos com meus clientes, a chácara onde moro, agendas insanas, projetos mirabolantes para 2020, treinos, vida social e boletos parecia uma infindável maratona. Janeiro chegou trazendo esperanças de um ano melhor e se arrastou … Continue lendo Sem tempo, irmã

Querida #eudopassado

Querida pequena Fabricia, Como eu queria poder te dar bons conselhos. Vejo você tão novinha, cheia de sensibilidade e de amor pelas pequenas coisas. Tão curiosa e carinhosa, sempre enroscada nas pernas e nos cabelos da mamãe. Meu coração se enche de amor pela criança que você foi. Sua criatividade vem desde esta época. Quantas … Continue lendo Querida #eudopassado

Mamãe, você se separou por que não ama mais o papai?

Em um sábado de manhã, gêmeos estavam lá de boas, assistindo um filminho por minha sugestão. Era "O Menino Maluquinho", filme antigo, cheio de coisas curiosas 'do tempo da mamãe'. Eu nunca tinha assistido, nem lembrava da história. Em dado momento, os pais do Maluquinho se divorciam. A mamãe não amava mais o papai. Enquanto … Continue lendo Mamãe, você se separou por que não ama mais o papai?